“População é explorada através da dívida”, afirma Ladislau Dowbor